centro
cultural
fiesp

Um presente da indústria
para quem ama cultura

AS ATIVIDADES DO CENTRO CULTURAL FIESP SÃO UMA REALIZAÇÃO DO SESI-SP

Exposição Darwin: Origens & Evolução

A mostra instalada no Espaço de Exposições até 30 de dezembro é uma experiência que engloba arte, ciência, conhecimento e biodiversidade

Depois da passagem pelo Museu do Meio Ambiente, no Jardim Botânico do Rio de Janeiro, em 2019, a mostra, que celebrou os 210 anos do nascimento de Charles Darwin (1809-1882), apresenta a trajetória do biólogo inglês, contextualizando o processo para elaboração da teoria da evolução das espécies.

A exposição conta esta história usando como base 332 peças de acervos de história natural, obras de arte, instalações criativas e um ambiente imersivo com trilhas sonoras e peças criadas especialmente para a mostra.

Dividida em quatro núcleos (“A ciência antes de Darwin”; “Um novo tempo”; “A jornada do Beagle” e “A origem das espécies”), a exposição apresenta diferentes elementos de uma das mais importantes teorias do pensamento moderno e pretende ser uma expedição investigativa em que se mesclam uma aula de ciências, a interatividade e a descoberta. Explora uma jornada de perguntas, hipóteses e evidências que pavimentaram o caminho e culminam no que hoje conhecemos como a teoria da evolução das espécies.

A curadoria aborda o desenvolvimento da produção científica no Brasil, incluindo o intercâmbio de informações entre Darwin e naturalistas residentes em terras tropicais. São exibidas coleções do Museu Nacional, Museu de Ciências da Terra e do Instituto de Pesquisas Jardim Botânico, no Rio de Janeiro.

A novidade desta edição conta com a curadoria científica do Museu Biológico do Butantan e do Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo (MZUSP). Dentre as coleções científicas do MZUSP estão animais taxidermizados, como tartaruga-marinha, jacaré, quati, cachorro do mato e um pássaro Guará.

Além do acervo científico, a mostra apresenta obras de artistas contemporâneos que reforçam a conversa entre arte e ciência, como os brasileiros Gisela Motta e Leandro Lima (Anti horário); Tiago Sant’Ana (Refino #3, #4 e "Cana-Coluna"); Fernando Lindote (O Guardião  fala II), a dinamarquesa Marika Seidler (Rapas das Bestas) e o norte-americano Juan Fontanive (“Vivarium A” Edição: 15), além de dois dioramas criados especialmente para a exposição pelo designer de bonecos Bruno Dante, ilustrando parte da história da produção científica no Brasil.

Visita virtual
O projeto conta também com uma edição virtual gratuita, na qual o público pode acessar mais conteúdos da exposição e ainda aproveitar 5 jogos e 3 animações inéditas, criados sob a direção artística do estúdio M’Baraká e desenvolvidos pelo designer de interação Luiz Ludwig e estúdio Mandelbrot. Os jogos contaram com a consultoria pedagógica de Gil Cardoso, biólogo especializado em comunicação científica e coordenador educativo da mostra.

site é acessível e conta com vídeos em libras, áudioguia e áudio descrição. Todos estes conteúdos poderão ser acessados a partir do espaço expositivo com QR codes espalhados na galeria do Espaço de Exposições do Centro Cultural Fiesp.

 

Sobre os curadores
Com um resultado expressivo de crítica e público, o estúdio M’Baraká, ao longo de 15 anos, tem criado exposições de diferentes temáticas, como ‘Tropicália – um disco em movimento’, ‘Expedição Coral’, projeto que integrou as celebrações dos 200 anos do Museu Nacional no Rio de Janeiro, ‘Quando o Mar Virou Rio’, no museu Histórico Nacional e a exposição ‘Nise da Silveira – a revolução pelo afeto’, inaugurada em 2021 no CCBB.

Isabel e Diogo são os sócios fundadores e a essência do estúdio. Diogo é designer, formado pela Escola de Belas Artes da UFRJ e especializado em design de exposições e Isabel Seixas é curadora e formada em produção cultural na UFF. Desde 2013 a sociedade ganhou o reforço da economista social e pesquisadora Larissa Victorio.

Consultoria Científica
Magali Romero Sá é graduada em Ciências Biológicas pela Fundação Técnico-Educacional Souza Marques (1976), mestre em Ciências Biológicas (Zoologia) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro

(1986) e doutora em History and Philosophy of Science pela University of Durham (1996). É pesquisadora da Casa de Oswaldo Cruz/Fundação Oswaldo Cruz e professora do Programa de Pós-Graduação em História das Ciências e da Saúde (COC/Fiocruz), sendo atualmente vice-diretora de Pesquisa, Educação e Divulgação Científica da Casa de Oswaldo Cruz.

 

Exposição Darwin: Origens & Evolução
Curadoria do Estúdio M’Baraká
Período: de 7 de julho a 30 de dezembro de 2021
Horários: quarta a domingo, das 13h às 20h 
Local: Espaço de Exposições do Centro Cultural Fiesp
Endereço: Avenida Paulista, 1313 - em frente ao metrô Trianon Masp
Entrada gratuita. Agendamento de visitas pelo sistema 

Agendamentos escolares e de grupos: ccfagendamentos@sesisp.org.br  

Exposição Darwin: Origens & Evolução

Onde é que fica?

Av. Paulista, 1.313 - Prédio da Fiesp

Em frente à estação Trianon-Masp do Metrô